Translate

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Sua água contém mercúrio?


Teste rápido baseado em espectroscopia para detectar mercúrio na água de beber. 2006. Os físico-químicos criaram um teste novo e barato para detectar o mercúrio, um elemento conhecido por prejudicar o cérebro, rins, coração, pulmões e sistema imunológico. Nanobastões de ouro absorvem mercúrio a partir de uma amostra e, em seguida um espectrômetro óptico mede as mudanças na absorção de luz dos nanobastões. O processo, que leva menos de 10 minutos, pode testar as concentrações de mercúrio em líquidos, gases ou sólidos. Orlando, Flórida - O mercúrio... Ele está na terra, no ar, e em nossa água! Temos até um pouco em nossos corpos. Isso é normal. Mas demasiado mercúrio pode causar problemas de saúde. O que tem sua água? Novos testes podem ajudar a detectar se algo perigoso está saindo de sua torneira.

Courtney Hylton e sua filha maisvelha de 2 anos Jordan, desfrutam de seus chás da tarde. Mesmo que o gosto esteja bom, o que está na água pode danificar vários de seus orgãos. "Eu realmente quero saber o que está lá dentro, mas que não deveria estar lá", diz Courtney. De acordo com o químico Andres Campiglia, o mercúrio ataca o sistema nervoso. Demasiado mercúrio em seu corpo pode causar danos ao seu cérebro, rins, coração, pulmões e sistema imunológico. Para as mulheres grávidas como Courtney, demasiado mercúrio pode ser tóxico para os seus bebês. É por isso que ela está tendo sua água testada. Os químicos da University of Central Florida Eloy Hernández e Campiglia, criaram um novo teste rápido e barato para detectar o mercúrio usando uma fonte muito improvável - de ouro puro. A água é misturada com uma solução contendo nanobastões de ouro, ou barras de ouro sólido 2.000 vezes menor do que a largura de um cabelo humano. O Ouro absorve o mercúrio. Em seguida, os cientistas usam um espectrômetro óptico para medir a luz embebida pelos nanobastões que revela a quantidade de mercúrio que está presente. "Quanto mais avermelhado se tornar, tanto maior a concentração de mercúrio", diz Hernández. O processo inteiro leva menos de 10 minutos. Os resultados são lidos em um computador. A água de Courtney e Jordan era segura, então para elas é seguro beber outra xícara de chá - com um pouco de leite - e que não contém mercúrio. Este teste de mercúrio funciona em líquidos, gases e sólidos. Os cientistas acreditam que também pode ser utilizado em uma maior capacidade para limpar águas das plantas e de energia. Pode estar disponível ao público dentro de poucos anos.
A história - Os químicos estiveram usando uma técnica incomum para detectar mercúrio em sua água: nanobastões de ouro, duas mil vezes mais finos que um cabelo humano. O ouro absorve o mercúrio, enquanto os pesquisadores monitoram as mudanças na quantidade de luz através de um dispositivo manual chamado espectrômetro óptico. Este processo pode ser usado para criar filtros de água e recuperar água contaminada. Como o mercúrio entra na água? O mercúrio é encontrado em muitas rochas, incluindo o carvão, que quando queimado, libera mercúrio para o meio ambiente. As plantas à base de carvão é a maior fonte provocada pelo homem das emissões de mercúrio para o ar nos Estados Unidos, representando mais de 40% de todas as emissões nacionais humanas-causadas pelo mercúrio. A EPA estima que cerca de um quarto das emissões norte-americanas a partir de plantas à base de carvão são depositadas dentro dos EUA pela queima de resíduos perigosos, produção de cloro, na decomposição de produtos de mercúrio, derramamento de mercúrio, bem como o tratamento inadequado e descartes de produtos ou resíduos contendo mercúrio, que também podem liberá-lo para o ambiente. As estimativas atuais são de que menos da metade de todo o mercúrio dentro dos EUA vem de fontes norte-americanas. O Mercúrio no ar, eventualmente, deposita-se em água ou se precipita na terra onde ele pode ser lavado pela água. Mercúrio tóxico- Também conhecido como "quicksilver", o mercúrio é um metal pesado, semelhante à prata, e um dos cinco elementos que são líquidos à temperatura ambiente ou próxima. O mercúrio é uma neurotoxina, de modo que afeta o sistema nervoso central, causando alterações de personalidade, nervosismo, tremores e em casos extremos, demência. Se o vapor de mercúrio for inalado, tanto quanto 80% podem entrar na corrente sanguínea. 

Um comentário:

  1. Aqueles que usaram o MERCÚRIO para juntar o OURO, que use agora o OURO para reajuntar o MALÍGNO MERCÚRIO. Artezãotec

    ResponderExcluir